Vitagerpavak (vacina contra herpes)

Vitagerpavac: Vacina inativada de cultura herpética, liofilizado para preparação de solução para administração intradérmica.

Certificado de Registro: R No. 003193/01

Descrição: Massa amorfa de amarelo claro a rosa. Higroscópico.

Propriedades imunológicas: A vacina estimula os mecanismos celulares da resistência do corpo humano aos tipos her e her do vírus herpes simplex.

Vitagerpavac, vacina

Ingredientes: Uma dose de vacinação (0,2 ml) contém: Ingredientes ativos: antígenos específicos do vírus herpes simplex (HSV) ΙΙ e ΙΙ (cepa US e cepa HV, respectivamente), obtidos por reprodução em células cultivadas rim de um macaco verde africano (VERO B), inactivado por formaldeído e liofilizado com a adição de um meio de sacarose-gelatina como estabilizador.

Excipientes: formaldeído não superior a 200 µg / ml; o sulfato de gentamicina não é superior a 40 μg / ml, a sacarose não é superior a 0,075 g / ml; Gelatose não é mais do que 0,01 g / ml.

Objetivo: Prevenção da recorrência de infecções herpéticas causadas pelo vírus herpes simplex tipos I e II.

Dosagem e administração:

A vacinação é realizada em instituições médicas para o efeito e sob a supervisão de um médico. A vacina é usada em remissão, não antes de 10 dias após o completo desaparecimento das manifestações clínicas da infecção por herpes.

O conteúdo do frasco é dissolvido em 0,3 ml de solvente (água estéril para injeção). Para fazer isso, o solvente usando uma seringa com uma agulha é colocado em uma garrafa com uma vacina, que é então agitada para dissolver o conteúdo. O produto dissolvido deve ser um líquido rosa ou rosa ligeiramente opalescente com uma tonalidade amarela. Inclusões mecânicas visíveis devem estar ausentes.

A vacina dissolvida não está sujeita a armazenamento. O medicamento não é adequado para uso em frascos com integridade prejudicada, rotulagem, quando a cor muda, expirou, se não for devidamente armazenado. A abertura da garrafa, a dissolução da droga e o procedimento de vacinação executam-se com a observância estrita das regras da assepsia.

A droga administra-se intracutaneously na região da superfície interior do antebraço em uma dose única de 0,2 ml (controle - a formação de "casca de limão"). O curso da vacinação para infecções por herpes da pele e membranas mucosas consiste em 5 injeções, que são realizadas com um intervalo de 7 dias.

Os pacientes com infecção complicada por herpes (recidivas 1 ou mais vezes por mês) repetem a segunda e as subseqüentes injeções com um intervalo de 10 dias. Após 6 meses, repetidos cursos de vacinação (5 injeções).

Efeito colateral: Após a introdução da vacina em indivíduos podem desenvolver reações locais e gerais. Reação local: manifestada por hiperemia da pele com um diâmetro de até 2 cm durante o primeiro dia e uma sensação de queimação a curto prazo fraca no local da injeção. A reação geral pode exprimir-se em um aumento leve na temperatura (não mais do que 37,5 ° C), fraqueza, passando sem tratamento.

No caso de reações locais e gerais mais pronunciadas ou o desenvolvimento de uma exacerbação da recorrência de uma infecção herpética, a administração da droga deve ser suspensa. A vacinação pode ser continuada 14 dias após o completo desaparecimento das manifestações clínicas da infecção por herpes e da reação geral à vacina.

Interações com outras drogas: Casos de incompatibilidade com outras drogas não foram identificados.

Contra-indicações: 1. Infecção herpética no estágio ativo (recidiva). A vacinação é realizada não antes de 14 dias após o desaparecimento das manifestações clínicas. 2. Doenças infecciosas e não infecciosas agudas. A vacinação é realizada não antes de 30 dias após a recuperação. 3. Doenças crônicas no estágio de exacerbação ou descompensação. 4. Neoplasias malignas. 5. Gravidez. 6. Alergia à gentamicina e outros antibióticos do grupo aminoglicosídeo.

Forma de produto: Em frascos de 0, 3 ml. Uma dose de vacinação - 0,2 ml. Em um pacote de 5 frascos e instruções de uso.

Vida de prateleira: 2 anos. O uso expirado da droga não está sujeito a.

Condições de transporte: O medicamento é transportado de acordo com SP 3.3.2.1248-03 a uma temperatura de 2 a 8 ° C. De curto prazo, não mais que 3 dias, o transporte a uma temperatura de 9 a 18 ° C é permitido. Não congele.

Condições de armazenamento: A preparação é armazenada de acordo com SP 3.3.2.1248-03 a uma temperatura de 2 a 8 ° C, fora do alcance das crianças.

Condições de férias: Disponível por prescrição.

Deixe seu comentário sobre o medicamento

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *
O comentário aparecerá na página depois de ser moderado.